Noticias

As 5 menores diferenças entre Senna e Prost na linha de chegada da F-1

07/08/2018

A rivalidade entre Ayrton Senna e Alain Prost rendeu grandes disputas emocionantes na Fórmula 1, sendo várias delas se estendendo até o momento em que os rivais cruzaram a linha de chegada.

O site oficial de Ayrton Senna encontrou as cinco menores diferenças entre os dois pilotos durante as nove temporadas em que ambos competiram na principal categoria do automobilismo mundial. Senna terminou na frente do francês em todas elas, confira:

GP de San Marino 1988

A primeira vitória de Ayrton Senna na McLaren esteve muito longe de ser fácil, apesar de ter sido de ponta a ponta. Era apenas a segunda corrida do piloto brasileiro na temporada de 1988 e Senna cruzou a linha de chegada com apenas 2s334 de vantagem para o francês.

GP de Portugal de 1990

Principais postulantes ao título de 1990, Senna e Prost disputavam o segundo lugar em Estoril, enquanto a vitória ficou com Nigel Mansell, da Ferrari. Ayrton terminou a prova em Portugal com 1s381 de vantagem para o francês e aumentou a diferença de 16 para 18 pontos antes das três provas finais do campeonato: Espanha, Japão e Austrália.

GP da Bélgica de 1989

Ayrton Senna venceu o GP da Bélgica pela terceira vez em sua carreira na temporada de 1989. Seu principal rival na prova foi Prost, mas Ayrton conseguiu segurar a liderança do início ao fim e cruzou a linha de chegada com 1s304 de vantagem para o companheiro de equipe.

GP da Itália de 1991

A disputa do título em 1991 ficou entre Ayrton Senna e Nigel Mansell, mas no GP da Itália o brasileiro precisou se preocupar em segurar o segundo lugar das investidas de Prost, que chegou apenas 0s567 atrás da McLaren. A vitória ficou com a Williams de Mansell, mas Ayrton ainda tinha 18 pontos de vantagem na liderança do campeonato e sacramentou o tricampeonato mundial no Japão, três provas após essa corrida em Monza.

GP da Hungria de 1988

A menor diferença entre Senna e Prost em uma linha de chegada aconteceu em Hungaroging na temporada de 1988: apenas 0s529 na vitória do brasileiro. Esse triunfo foi fundamental para o título de Senna, já que após essa corrida o campeonato ficou empatado com 66 pontos para cada piloto. Ayrton liderou as 76 voltas do GP da Hungria, porém Prost tentou e chegou a ultrapassar Senna, que deu o “X” ainda na mesma manobra, em uma disputa semelhante ao histórico duelo de dois anos antes entre Senna e Nelson Piquet na mesma curva.

Confira outras diferenças inferiores a 10 segundos entre Senna e Prost na F-1:

– Bélgica 1990 – 3s550 – Senna em 1º e Prost em 2º

– Canadá 1988 -5s934 – Senna em 1º e Prost em 2º

– Itália 1990 – 6s054 – Senna em 1º e Prost em 2º

– México 1988 – 7s104 – Prost em 1º e Senna em 2º

– França 1988 – 7s104  – Prost em 1º e Senna em 2º

– Mônaco 1984 – 7s446  – Prost em 1º e Senna em 2º

– Austrália 1993 – 9s259 –  Senna em 1º e Prost em 2º