Notícias

As conquistas de Senna em seu ano de estreia na F1

Um jovem Ayrton Senna chegou à Fórmula 1 em 1984, ano em que fez sua estreia na categoria após ser destaque no kart e nas competições de monopostos na Europa. Mesmo correndo em uma modesta equipe do grid na F1, a Toleman, Senna já teve uma temporada de estreia que chamou à atenção do mundo inteiro.

Seu primeiro ponto conquistado veio em Kyalami, na África do Sul, no dia 7 de abril de 1984, data que completa 37 anos nesta quarta-feira. Apenas no segundo GP da temporada, o brasileiro foi o sexto colocado, mesma posição em que terminou a corrida seguinte em Zolder, na Bélgica – eram os dois primeiros dos 614 pontos conquistados por Senna na Fórmula 1.

Naquele mesmo ano, Ayrton ainda pontuaria em outras três corridas: Mônaco, Brands Hatch e Portugal. E seria logo no palco em que mais venceu em sua carreira de F1 que Senna também conquistaria seu primeiro pódio e levaria seu nome aos ouvidos de todo o automobilismo.

Com seis vitórias em Mônaco na carreira, o brasileiro disputou sua primeira corrida em Monte Carlo no dia 3 de junho e largou apenas da 13ª colocação. Sob forte chuva no Principado, Ayrton deu um show e veio ultrapassando carro após carro, atingindo uma segunda colocação de destaque que apenas não se tornou um primeiro lugar devido ao encerramento precoce da prova devido às condições da pista.

O segundo pódio de Senna na F1 também veio em 1984: Ayrton foi o terceiro colocado em Brands Hatch, na Inglaterra, pista na qual o brasileiro já havia conquistado vitórias em outras categorias.

“No pódio, o público de Brands Hatch, acostumado com as vitórias de Ayrton em outras categorias, dedicou a ele mais aplausos que ao próprio Niki Lauda. E também quem fez a maior festa foi Ayrton, jogando champanhe em todo mundo”, descreveu Reginaldo Leme, jornalista da TV Globo na época, na transmissão do GP da Inglaterra.

Para fechar o ano de estreia na F1, Senna ainda conquistou mais um pódio no Estoril, em Portugal. O brasileiro foi o terceiro e dividiu o pódio com outros dois grandes nomes do automobilismo mundial, Niki Lauda e Alain Prost, que venceu a corrida, mas perdeu o campeonato para o austríaco por apenas meio ponto.

Ao final da temporada, que foi encerrada naquela corrida em Portugal, Senna iniciaria em 1985 o contrato com a Lotus, sua primeira equipe de ponta na F1. Seria justamente com a Lotus que o brasileiro conquistaria sua primeira vitória na categoria – em Estoril, sob chuva.

O total de pontos conquistados nestas cinco corridas nas quais Senna pontuou em 1984 foi de 13, apenas o início de uma trajetória de conquistas na F1 com 41 vitórias, 65 poles, 80 pódios e três títulos mundiais.