O primeiro pódio de Senna em Silverstone

Voltar

O GP da Inglaterra de 1987 marcou o primeiro pódio de Ayrton Senna no circuito de Silverstone na F-1. O brasileiro já havia conquistado um pódio na prova britânica em 1984, mas a corrida havia sido realizada em Brands Hatch.

Em 1987, Senna conquistou o terceiro lugar no grid com a Lotus amarela, mas teve poucas chances de superar as Williams de Nigel Mansell e Nelson Piquet, que foram mais rápidas durante todo o final de semana e duelaram pela vitória até as últimas voltas.

A corrida de Ayrton foi marcada por uma disputa emocionante contra Alain Prost, principalmente nas primeiras voltas. O piloto da McLaren largou do quarto lugar e pulou para a primeira posição ainda no início, mas logo foi superado pelas Williams e por Senna antes da segunda volta. Na quinta volta, Prost conseguiu dar o troco no brasileiro e segurou a vantagem sobre Senna até sua parada nos boxes, quando apresentou problemas no pit-stop. Ayrton recuperou o terceiro lugar e não teve sua posição de pódio ameaçada até o final da prova.

Foto: Ângelo Orsi / ASE

No duelo entre Mansell e Piquet, o britânico viveu um dia heroico após realizar uma ultrapassagem com um drible (fingiu que tentaria a manobra por fora e colocou por dentro) em seu companheiro de equipe na volta 63, faltando apenas duas voltas para o final. Na tentativa de ultrapassagem, quase que os dois piloto se tocaram, o que daria a vitória para Senna.

Após receber a bandeira quadriculada, Mansell saiu do carro e beijou o asfalto no mesmo local onde havia feito a ultrapassagem sobre Piquet, para delírio dos fãs ingleses.

Com o resultado, Senna seguiu na liderança da temporada de 1987 com 31 pontos, enquanto Mansell e Piquet tinham 30 pontos.